Conteúdo
Colunista: Vitor Hochsprung
Publicação: 26/06/2017 08h43

Rapaz... que agonia! Ontem (25) o Bruscão (eô!) fez o jogo mais importante (até então) na Série D do brasileiro. O marreco estava pendurado nessa coisa de classifica ou não classifica. A vitória classificaria, com o empate, a gente precisaria de outros resultados, mas dava de beliscar, e até mesmo se perdêssemos, conseguiríamos algo, se as lojas da cidade disponibilizassem todos os secadores para a causa. Ontem foi dia de Série D, e esse D era de decisão!

O placar permaneceu 0x0 até o final do segundo tempo, mas, no Rio Grande do Sul, o São Paulo derrotava o XV de Piracicaba por 3x1, então ‘tava’ tudo “de buenas”, como diz o outro. Bruscão ainda respirava, mas através da pressão da torcida, que queria a vitória e nada mais que a vitória.

O coração foi à boca umas dezessete vezes quando, sem que a gente pudesse ver, o XV do Piracicaba virara o jogo pra 3x4. Meu amigo, minha amiga... a quantidade de palavrão que eu pensei não está registrada em lugar nenhum! O Brusque precisava do gol urgentemente, mas o relógio não contribuía. As unhas não existiam mais e o nervosismo tomava conta de todo o corpo, até os 43 minutos, quando o Careca (tem cabelo) marcou o gol da classificação, fazendo-nos concluir duas coisas: a) Brusque, eu te amo, mesmo você me fazendo sofrer durante uma hora e meia e me fazendo feliz por dois segundos; e b) ainda somos o maior do vale, ou seja, tudo normal por aqui.

O marreco agora pega o São José-RS, adversário já enfrentado em uma das edições anteriores da competição. Agora é mata-mata. Não dá mais pra vacilar, tem que fazer bonito! Nada disso de marcar gol no finalzinho, ok, elenco? ‘Vamo’ pra cima desde o início, porque o meu coração não aguenta isso toda a vida, não! Brincadeiras a parte, hoje eu vou sair por aí com um sorriso no rosto que só o Brusque me proporciona.



Vitor Hochsprung - Coluna Visão da Arquibancada

Vitor tem 18 anos e estuda Letras na Furb. Para o Esporte SC, uniu duas grandes paixões: o esporte e a escrita. Escreve sobre o Brusque, time do coração, em uma linguagem descontraída, a fim de fazer cada tipo de torcedor se identificar com a leitura E-mail para contato hochsvitor1710210110279618@1710210110278789gmail.com.