Conteúdo
Repórter: Redação
Publicação: 07/03/2018 09h22

A Federação Catarinense de Basketball (FCB) terá 133 oficiais de arbitragem em seu quadro na temporada 2018. A confirmação veio neste fim de semana com a realização da Clínica Santa Catarina de Padronização de Arbitragem de Basquetebol, nos dias 2 e 3, em Brusque. No total serão 72 árbitros, 48 oficiais de mesa e 13 representantes.

O evento é realizado anualmente pela Federação e conta com avaliação física, teórica e prática de cada profissional. Neste ano, a clínica focou nas novas regras e orientações da FIBA para 2018 principalmente em aspectos disciplinares, faltas e violações. Com isso, o palestrante no evento foi Eduardo Albano, árbitro internacional que faz parte do quadro da FCB. Para os oficiais de mesa, Kelly Christina Schutz, que participou das Olimpíadas do Rio de Janeiro em 2016, foi uma das palestrantes.

“Eu achei que foi excelente pela participação maciça dos profissionais que compõem o nosso quadro. Fizemos cursos diferentes para oficiais de mesa e árbitros, aprofundando ainda mais nossas palestras e com conteúdo específico para eles, isso engrandeceu muito o evento”, contou Ariovaldo Carvalho, diretor de Arbitragem da FCB

Já em âmbito estadual, a principal mudança será a presença de três árbitros em todas as fases de todos os torneios realizados pela FCB, do sub-12 ao adulto. Até o último ano, as fases anteriores às semifinais eram realizadas com dois árbitros nos campeonatos estaduais de base, do sub-12 ao sub-19.

Outra novidade nesse ano é o plano de carreira para árbitros e oficiais de mesa, desta forma, cada profissional será remunerado de acordo com seu nível e não mais por jogo, como era realizado antes. O objetivo é estimular os mais jovens a continuar buscando excelência e premiar aqueles que levam o basquete catarinense ao topo.