Conteúdo
Repórter: Vanessa Fagundes
Publicação: 26/05/2020 17h21
Atualização: 18h17

A partir de agora, as atividades dos profissionais de educação física passam a ser essenciais no Brasil. De acordo com decreto publicado essa semana pelo Governo Federal, a atividade passa a ser essencial no atendimento à saúde, diferente do que era estabelecido anteriormente, na qual a categoria se encaixava como desporto e lazer.

O Decreto número 40.824 considera que o profissional deverá ter acesso aos equipamentos públicos de saúde e de assistência social, inclusive com a atuação nos programas sociais do Governo. Para exercer a profissão, eles terão que se adequar e seguir todos os protocolos de medidas de segurança recomendadas pelas autoridades sanitárias.



Vanessa Fagundes

E-mail para contato vfagundes522007041502298517@2007041502297688gmail.com.