Conteúdo
Repórter: Redação
Publicação: 08/08/2020 19h08
Atualização: 18h43

A história do Brusque na Série C do Campeonato Brasileiro começou com um jogo difícil e recheada de emoção. Jogando diante do Ypiranga (RS), no estádio Augusto Bauer, o time venceu o adversário por 2 a 1.

O gol da vitória foi marcado por Thiago Alagoano, aos 50 da etapa final. Antes, Everton Alemão havia marcado para o Brusque, e Cristiano para o Ypiranga, ambos ainda no primeiro tempo de partida. 

Os times voltam a jogar agora no meio e fim de semana. O Brusque vai São Paulo encarar o São Bento na quinta, enquanto o Ypiranga recebe o Londrina no domingo.

Times com desfalques

Os dois times iniciaram o jogo com desfalques. O Brusque sem os laterais Edilson e Airton. Machucados, eles deram lugar a Gustavo Henrique e Ronaell, respectivamente. 

Apesar disso, já com 20 minutos Gustavo Henrique também saiu lesionado, quem entrou foi João Carlos. Ianson, que testou novamente positivo para covid, também foi baixa no Brusque. Ele deu lugar a Cleyton. 

O Ypiranga também teve desfalques. O time foi para a partida sem 6 jogadores que testaram positivo para o coronavírus. 

O jogo

Com a bola rolando, a primeira grande chance foi do Brusque, mas Fabinho se atrapalhou sozinho e não conseguiu finalizar com 1 minuto de jogo.

Aos poucos, o Ypiranga foi se assanhando e passou a ganhar todas pelo lado esquerdo de campo, com o bom lateral Ávila. Aos 18, ele limpou três marcadores, mas chutou por cima, cara a cara com Zé Carlos. Aos 20, Fernandinho também assustou. A bola passou raspando a trave.

O momento era do Ypiranga no jogo, mas numa bola parada, foi o Brusque que abriu o placar. 

Zé Matheus cobrou falta, Edu quase desviou e, na sobra, Everton Alemão finalizou para as redes: 1 a 0 Bruscão. 

Depois do gol, o jogo caiu de rendimento, com os dois times criando pouco. Mas ainda antes do fim do primeiro tempo o Ypiranga empatou.

Cristiano apareceu no meio da zaga, avançou e tocou pro fundo do gol: 1 a 1.

Etapa final

No segundo tempo, o Ypiranga assustou logo no início. Alemão chegou a cabecear na trave, mas o lance já estava paralisado. 

Sem conseguir criar e com fragilidade na saída de bola, Jersinho fez duas mudanças perto dos 20 minutos. Eliomar entrou na vaga de Fabinho e Emerson Martins na de Rodolfo Potiguar.

O time até teve mais volume de jogo, mas seguia criando pouco. Numas das raras oportunidades, Eliomar tentou por cobertura e perdeu. No bate-rebate na área, Cleyton mandou por cima.

O Ypiranga respondeu perto dos 40 minutos, mas Zé Carlos fez grande defesa e evitou gol de Cristiano. 

Mas o melhor ainda estava por vir, no apagar das luzes. Aos 50 minutos, praticamente na última jogada da partida, Zé Matheus fez ótima jogada individual. Na pressão, a bola da vitória sobrou nos pés de Thiago Alagoano. Na entrada da área, ele bateu firme para garantir o triunfo do Brusque que começa com o pé direito sua jornada na Série C.



Redação

E-mail para contato contato2009290448166022@2009290448165194esportesc.com.