Conteúdo
Repórter:
Publicação: 28/02/2016 18h00
Atualização: 29/02/2016 08h51

Para o time do Brusque, a tarde deste domingo (28) foi para se esquecer. Um dia em que quase nada deu certo. A defesa brusquense que já havia falhado algumas vezes em bolas aéreas, voltou a apresentar o problema, que acabou decidindo a partida diante do Internacional de Lages. O jogo foi equilibrado em boa parte, com domínio do Inter em alguns momentos, sobretudo no segundo tempo. O nome da peleja foi Isac. O atacante colorado que é artilheiro isolado do campeonato marcou um gol, participou diretamente de outro e ainda meteu uma bola no travessão no que seria um golaço.

O jogo

O Inter de Lages iniciou a partida pressionando. Logo aos 4 minutos, Schmoller cruzou na área e Isac cabeceou com muito perigo, para fora. Logo depois, Gabriel pegou rebote e bateu de longe, defesa fácil de João Paulo. Com 10 minutos, mais um cruzamento de Schmoller em cobrança de falta. Desta vez Petterson cabeceou mal. Aos 12, finalmente o Bruscão deu sinal de vida. Assis cabeceou e Neto Volpi pegou sem dificuldades.

GALERIA
> Veja imagens da partida em Lages

O time da casa era melhor no jogo e, aos 14 minutos, a superioridade foi convertida em gol. Escanteio para o Inter, cobrança categórica de Schmoller, a defesa brusquense deu bobeira e o artilheiro Isac apareceu livre para fuzilar, sem chances para João Paulo, 1 a 0. Com o tento, a diferença entre os dois times só aumentou e o Brusque passou cinco minutos de muitas dificuldades.

Aos 18 minutos, o quadricolor teve a chance de empatar com João Neto. O lateral bateu muito mal. O Inter pressionava cada vez mais marcando a saída de bola do Bruscão. Em seu pior momento na partida até então, a equipe brusquense chegou ao empate. Cruzamento de Paulinho, bela ajeitada de Giancarlo e arremate perfeito de Eliomar no cantinho. Que golaço! 1 a 1 em Lages.

Após o empate, o jogo mudou completamente. A superioridade colorada se converteu em grande equilíbrio. Aos 23 minutos, Schmoller bateu forte da entrada da área e Isac desviou para quase marcar mais um. Na sequência, chute de longe de Valdo Bacabal, defesa firme de João Paulo. Apesar do equilíbrio, o Inter chegava mais, pancada de Isac, e outra grande defesa de João Paulo.

Com 27 minutos, resposta do Bruscão. Paulinho bateu de longe, Neto Volpi pegou sem dificuldades. O colorado tinha mais a posse de bola, mas o quadricolor assustava nos contra-ataques. Aos 30, João Neto bateu bem de fora da área e quase virou, a bola passou perto da meta. Na sequência, falta perigosíssima para o Brusque, Assis isolou na cobrança. Com 37 minutos, Gabriel teve grande chance, mas bateu torto demais.

No lance seguinte, Assis invadiu a área e teve boa chance, mas demorou a finalizar e foi travado pela defesa. Aos 40, cruzamento de João Neto e grande chance para Giancarlo, que não alcançou a bola por muito pouco. Logo depois, Carlos fez grande jogada e bateu forte de longe, a bola raspou à trave. O mesmo Gabriel teve boa chance aos 44, mas chutou absurdamente mal. O primeiro tempo encerrou em 1 a 1.

Etapa final

O Inter de Lages entrou para o segundo tempo com Gustavo no lugar de Romarinho. O Bruscão voltou igual. O primeiro lance de perigo na segunda etapa foi do quadricolor. Eliomar bateu de longa distância, a bola foi desviada e quase enganou Neto Volpi, que fez a defesa. O jogo seguia equilibrado, mas a bola aérea é ponto fraco do Brusque. Aos oito minutos, novamente em bola levantada na área, a casa caiu para a equipe brusquense. Cruzamento da ponta esquerda, Valdo Bacabal cabeceou livre e marcou o segundo.

O Brusque respondeu na sequência com uma bomba de Assis de fora da área que quase resultou no empate. No lance seguinte, cobrança de escanteio e Eliomar teve a bola livre na frente do gol. Bateu pra fora, que perigo. Aos 12 minutos, o Inter teve boa chance com Gustavo, que chutou fraco, fácil para João Paulo.

A equipe brusquense sentiu o segundo gol colorado, o time passou a jogar mal e o Inter dominava. Aos 20, a pressão resultou em uma ótima chance para Gustavo, que livre na área bateu muito longe do gol. Com 22 minutos, Mauro Ovelha colocou Alexandre Pedalada no lugar de Cambará. Logo depois, Eliomar teve boa chance na entrada da área e chutou com muito perigo. No lance seguinte, Assis teve a bola na ponta esquerda, mas finalizou mal.

O jogo estava muito difícil para o Brusque. Aos 30 minutos, o golpe fatal. Em cruzamento preciso na área, Isac desviou a bola que sobrou para Gustavo acertar a trave. No rebote, Mateus Arence, que tinha acabado de entrar, sem goleiro sem nada, só empurrou para dentro. Com 3 a 1 no placar, o que já era difícil ficou quase impossível para o Bruscão.

A vitória colorada quase se tornou goleada aos 33 minutos. Grande jogada de Isac que acertou chute colocado no travessão. No lance seguinte, Giancarlo teve bela chance de recolocar o Brusque no jogo. Porém, livre na área, bateu muito alto, longe do gol. O jogo ficou morno e o Bruscão não tinha mais força para reação a essa altura.

Com 38 minutos, duas substituições de uma vez só no Brusque: Carlos Alberto no lugar de Ruan e Arlan na vaga de João Neto. Sem mais lances de perigo, o jogo foi encerrado em 3 a 1 para o Internacional de Lages.

Na quinta-feira (3), o Brusque recebe o Joinville no Augusto Bauer. A partida que encerra o primeiro turno do Campeonato Catarinense começa às 21h30.


FICHA TÉCNICA

INTER DE LAGES (3)

Neto Volpi, Weriton (Douglão), Cristian, Petterson, Parrudo, Carlos, Valdo Bacabal (Mateus Arence), Michel Schmoller, Isac, Gabriel, Romarinho (Gustavo). Técnico: Waguinho Dias. 

BRUSQUE (1)

João Paulo; João Neto (Arlan), Alemão, Maurício, Adãozinho; Ruan (Carlos Alberto), Cambará (Alexandre Pedalada); Eliomar, Paulinho , Assis; Giancarlo. Técnico: Mauro Ovelha

Gols: Isac (I), aos 14 minutos do primeiro tempo. Eliomar (B), com 20 minutos da primeira etapa. Valdo Bacabal (I), aos oito da etapa final. Mateus Arence (I), com 30 minutos do segundo tempo. 
Cartões Amarelos: Maurício (B), Gustavo (I), Assis (B)
Arbitragem: Cinésio Mendes Júnior, auxiliado por Eder Alexandre e Alex dos Santos
Local: Estádio Vidal Ramos Junior, em Lages.