Conteúdo
Repórter: Redação
Publicação: 11/11/2019 14h21
Atualização: 12/11/2019 18h34

Pelo segundo ano consecutivo, Brusque encerrou os Jogos Abertos sem sequer uma medalha dourada na principal competição do calendário do esporte catarinense. Assim, como em 2018, nenhuma modalidade brusquense subiu ao lugar mais alto do pódio, nem na disputa individual e sequer nos esportes coletivos.

O ciclismo brusquense até passou perto, mas foi prejudicado nos bastidores em virtude da não eliminação de um atleta de Joinville que cortou caminho em uma das provas da modalidade. Com isso, as cidades acabaram empatadas com 56 pontos, mas como o município joinvilense tinha uma medalha dourada, ou brusquenses amargaram a prata.

Última modalidade a conquistar uma medalha de ouro nos Jasc, o basquete, há dois anos, em 2017, acabou superado na grande final para Blumenau (85 a 58) e também encerrou com a prata. Além do ciclismo e do basquete, apenas o taekwondo trouxe medalhas para Brusque nessa edição dos Jasc, disputada paralelamente, de 1 a 10 de novembro, nas cidades de Timbó, Indaial e Pomerode.

A cidade fechou a participação com 9 medalhas (4 de prata e cinco de bronze), na 14ª colocação geral pela pontuação. O desempenho é levemente superior ao ano passado graças ao taekwondo, que conquistou quatro, das nove medalhas de Brusque este ano. Em 2018, a cidade finalizou os Jasc com apenas uma medalha de prata e quatro de bronze.

Apesar de levemente superior ao ano passado, o desempenho ainda é criticamente inferior aos outros anos. Na última década, o auge ocorreu em 2010, quando a cidade acabou na quarta colocação após sediar a competição, e em 2014, quando o município encerrou na sexta posição, com 68 pontos, embalado pelos pódios do basquete, ciclismo e futsal feminino, além do atletismo feminino, que acabou campeão. Nessa última modalidade, no entanto, a equipe de Brusque era reforçada por algumas atletas que não moravam no município, mas reforçavam a equipe nos Jasc. Já o Futsal Feminino, sempre favorito ao título, teve uma debandada de atletas adultas a partir de 2017. Atualmente, o Barateiro Futsal, responsável pela equipe de futsal feminino na cidade, está em fase de reestruturação, com o trabalho mais voltado para as escolinhas de base. (Veja abaixo o histórico de Brusque nos Jasc nos últimos anos)

Desempenho de Brusque na última década nos Jasc

2009 – 13º lugar - 36 pontos
2010 – 4º lugar – 111 pontos (este ano a cidade participou de todas as modalidades por ser o município sede da competição)
2011 – 12º - 27 pontos
2012 – 10º - 35 pontos
2013 – 7º - 54 pontos
2014 – 6º - 68 pontos
2015 – 8º - 56 pontos
2016 – Não foi realizado
2017 – 10º - 38 pontos
2018 – 16º - 18 pontos

Medalhas de Brusque nos Jasc 2019

Ciclismo
Duas pratas e Dois bronzes

Basquete
Uma prata

Taekwondo
Uma prata e um bronze no masculino
Dois bronzes no feminino

Total: 9 medalhas (4 de prata e 5 de bronze)
14ª colocação geral com 21 pontos
Campeão: Blumenau – 228 pontos

Quadro final de troféus – 16º colocado (Dois troféus)
Uma prata no basquetebol e uma prata no ciclismo


FME avalia participação como positiva

O superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Brusque, Olavo Laranjeira Telles, considera que a participação do município foi positiva. “Participamos de fase estadual em diversas modalidades e em ambos os naipes. Sobre medalhas e classificação geral, não criamos nenhuma expectativa em relação a isso. Deixamos isso para cada modalidade esta avaliação”, destaca.

Ele diz que a fundação estava ciente da projeção de medalhas e com os “pés no chão”. Segundo Telles, será feira uma reunião nos próximos dias vislumbrando eventuais melhorias, visando principalmente a Olesc, que, conforme ele, o município já melhorou em relação aos últimos anos. [Nos Jasc] “se buscarmos dentro da classificação, veremos que os municípios a nossa frente chegam a ter um investimento quase cinco vezes maior”, defende. “Porém, como disse anteriormente, a participação dos atletas e modalidades foi bem honrosa. Equipes com muitos moradores de Brusque, o que para nós também é importante. Parabenizamos aos técnicos e atletas que fizeram o melhor dentro da condição que lhes foi dada”, completa.




Redação

E-mail para contato contato2002180607394902@2002180607394073esportesc.com.