Conteúdo
Colunista: Luiz Gianesini
Publicação: 21/08/2020 10h13

O entrevistado desta semana é o palmeirense CRISTÓVO MAESTRI, popular Tóvo, nascido em Botuverá aos 19,04,63; filho de Érico Maestri e Maria Comandolli Maestri (in memoriam); cônjuge Zita G. P. Maestri; dois filhos: Gustavo e Felipe. Torce também  para o Paysandu  Palmeiras.

Como surgiu o apelido?

Surgiu do próprio nome Cristóvão: Tó + vo

Sonho de criança?

Sonhava ser motorista. Segui esta carreira.

Onde passou a juventude e como foi essa fase da vida?

Em Botuverá, jogando futebol, bocha, pescando, tomando banho de rio e nos finais de semanas, ia a bailes e tardes dançantes.

Como conheceste a Zita?

Num baile no Flamenguinho, em Botuverá.

Em que equipes atuaste?

Iniciei no futebol de campo atuando pelo União, tendo permanecido dos 16 aos 35 anos. Com a jaqueta do União, fomos campeões municipais em 93 e 96 e campeão da Copa Rádio Cidade da segunda divisão de Brusque. Depois atuei pelo Gabiróba, Lageadinho e Figueira. No futsal representei Botuverá nos IMBOPREVI,- Imbuia, Botuverá, Presidente Nereu e Vidal Ramos, quando fomos campeões encima do Imbuia, no Banco BCN e atuando pelo Figueira, nos idos de 83, também fomos campeões. Em 84, no Pitoqueira, novamente levantamos o caneco e em 2008, pelo Figueira sagramo-nos campeões novamente.

Em que posição atuava?

Goleiro.

Só no futebol de campo?

Não, futebol de campo e futsal.

Vitória inesquecível?

Foi nos idos de 93, na vitória contra o Águas Negras, quando já tínhamos diversas vezes chegado às finais e nunca tínhamos levantado o caneco. Naquela partida foi a primeira vez que o União sagrou-se campeão.

Títulos?

Campeão municipal de Botuverá e segunda divisão Copa Rádio Cidade de Brusque com a jaqueta do União

Derrota atravessada?

Na realidade foi um empate, idos de 2001, jogando pelo Gabiróba (Botuverá), se conseguíssemos a vitória iríamos para as quarta de final e naquele jogo além de defender fiz o gol de empate e também fui o arqueiro menos vazado.

Defesa memorável?

Defesa de um pênalti contra a ABRESC, na decisão da Copa Rádio Cidade da segunda divisão de Brusque.

Treinador?

Otávio Tachini

Dirigente?

Silvino Schmidt

Quais as equipes que competiam na época?

Futebol de campo: União, Gabiroba, Lageado Baixo, Figueira,

Futsal: Banco BCN, Pitoqueira

E na  competição intermunicipal- IMBOPREVI:  Imbuia, , Botuverá, Presidente Nereu  e Vidal Ramos 

Atualmente o que faz?

Hoje sou sócio proprietário da ECRIZ – Transportes



Luiz Gianesini - Coluna Personalidades do Esporte

Nascido em Brusque, em 8/10/1948, Luiz Gianesini é filho dos saudosos Evaldo e de Ida Maria Boni Gianesini. Já escreveu suas crônicas em diversos jornais. Em EsporteSC, conta quinzenalmente a história de celebridades que marcaram época no esporte E-mail para contato luizgianesini12010311936538015@2010311936537186gmail.com.