Conteúdo
Repórter: Sidney Silva
Publicação: 26/11/2017 13h51
Atualização: 14h33

A hegemonia do futebol de Guabiruba segue com o Olaria. Na manhã deste domingo (26), a equipe mais uma vez mostrou força ao levantar mais uma taça do Campeonato Municipal e levou para casa o Troféu Kohler e Cia. É o sétimo num intervalo de exatamente dez anos, quando o time conquistou a competição pela primeira vez.

Com o Orlando Westarb lotado, o time do bairro Guabiruba Sul, que já havia vencido o Lageadense por 1 a 0 na ida, voltou a superar o rival, desta vez por goleada. Godo, duas vezes, Filipe contra e João marcaram os gols. Buiú fez o único tento dos visitantes, que pelo segundo ano consecutivo acabaram superados na final pelos agora heptacampeões.

O jogo
A partida começou aberta, como era de se esperar, com os dois times buscando o ataque. Nos primeiros minutos o Olaria levou leve vantagem, fruto de alguns espaços encontrados no flanco do campo. O time tocava melhor a bola, enquanto o Lageadense tinha certa dificuldade para chegar à meta defendida por Jelson, o que fez com que os visitantes apostassem nas bolas levantadas, que até pareciam ser uma boa alternativa no início do confronto.


Parecia porque o time não conseguiu chegar ao gol e, na bola parada, viu o adversário abrir o marcador e dilatar a vantagem no placar agregado. Após cobrança de escanteio, Godo subiu livre para fazer 1 a 0 aos 25 minutos. Logo o Lageadense acusou o golpe, passou a errar passes e por pouco não foi para o intervalo com uma desvantagem ainda maior no placar.

Pintou goleada
Se a missão do Lageadense já era difícil, tornou-se quase impossível com apenas quatro minutos do segundo tempo. Com outro gol de bola parada, a equipe praticamente abriu mão de ainda tentar mudar o destino da taça. Méritos para João, que cobrou falta no lado esquerdo do campo e mandou na gaveta: 2 a 0 Olaria.

Com 2 a 0 no jogo da volta e 3 a 0 no agregado, o título parecia ser apenas questão de tempo para o Olaria, mas o Lageadense foi valente e voltou a entrar no jogo dez minutos depois: Aos 14, Fagner e Buiú, que haviam entrado no intervalo da partida, fizeram a jogada que culminou no gol de Buiú, após contragolpe: 2 a 1.

Mas foi pelos pés do mesmo Buiú que o Lageadense praticamente deu adeus de forma definitiva à taça. Logo depois de marcar o gol, o jogador teve a chance de botar fogo no jogo. Mas na cara de Jelson pegou mal na bola e chutou por cima, sem direção.

Na frente, o Olaria não perdoou. Em bola cruzada na área, aos 23 minutos, Filipe mandou contra o próprio patrimônio: Gol contra e 3 a 0 Olaria. Entregue, o Lageadense ainda viu a estrela de Godo voltar a brilhar. O camisa 10 recebeu de costas e girou sobre dois marcadores para bater na gaveta e selar mais uma conquista para o Olaria aos 34 minutos do segundo tempo. Fim de jogo: Olaria 4x1 Lageadense (5 a 1 no agregado).

“Plantel unido e vencedor”
A união do grupo, que não fez grandes jogos no início da competição, foi mais uma vez um dos grandes diferenciais para a conquista, segundo o técnico Nilo. Muito festejado pelos atletas, ele valorizou o empenho de todos os jogadores para que o time levantasse mais uma taça. “É um time de muita camisa, união e garra”, resumiu.

O treinador também teceu elogios ao Lageadense e se disse surpreso pela goleada diante do rival. “Não esperava que um jogo deste terminaria em goleada. É um clássico. Fazer quatro gols contra um time que joga bem, muito certinho, foi uma surpresa. Esperava um jogo mais duro, só tenho a parabenizar nossa equipe”, declarou.

O prefeito Matias Kohler e o vice Valmir Zirke também compareceram ao Orlando Westarb para acompanhar a grande decisão. Ao lado de vereadores e autoridades, eles fizeram a entrega dos troféus para os quatro primeiros colocados, bem como aos atletas que se destacaram ao longo da competição (ver abaixo).

Para o prefeito, a final foi digna de dois grandes clubes e mostra a força do esporte amador de Guabiruba. “Futebol ainda é o esporte da massa, e Guabiruba não foge disso. Essa competição iniciou com várias equipes e mostra todo fortalecimento do esporte de Guabiruba ao longo dos anos. O mais gratificante é chegar neste momento e, apesar da disputa, ver todas essas pessoas prestigiando e esse clima de harmonia e confraternização. Só temos que parabenizar aos atletas e a todas as equipes que participaram”.

Campeonato Municipal de Futebol Amador de Guabiruba – Troféu Kohler e Cia
1º Olaria
2º Lageadense
3º São Pedro
4º Cruzeiro

Homenageado
Amirton Cota (Cuca - Clube São Pedro)


Artilheiros
Diegol Rafael Dolsan (Cruzeiro) – 6 gols
Godo Olaria - (6 gols)

Jogador destaque
Éderson Tormena (Lageadense)

Atleta Revelação
Yuri Faria (Lageadense)

Goleiro menos vazado
Jelson (Olaria) – 5 gols em 7 jogos (média de 0,71 por partida)

Troféu Disciplina
São Pedro (14 cartões)

Fotos: Sidney Silva|EsporteSC



Sidney Silva

E-mail para contato redacao2012031222427001@2012031222426173esportesc.com.