Conteúdo
Repórter: Gustavo Assi
Publicação: 29/10/2020 09h24

Coluna Psicologia do Esporte e do Exercício: Por Gustavo Assi

A resiliência diz respeito ao quanto uma pessoa suporta, ou enfrenta, eventos estressantes. Pessoas com um repertório comportamental de enfrentamento dessas situações geralmente conseguem passar por elas com o mínimo de efeitos negativos. Algumas características são o senso de controle pessoal sobre eventos externos, senso de envolvimento compromisso e propósito na vida cotidiana e flexibilidade de se adaptar a mudanças inesperadas, percebendo-as como desafios ou oportunidades para crescimento.

Embora possa ser desenvolvida enfrentando situações estressantes no dia a dia, a resiliência pode ser desenvolvida de maneira saudável com a prática de exercícios físicos. A medida que são enfrentadas as situações de cansaço, bem como o alcance das metas, passamos a ficar sob controle das consequências a longo prazo (como melhora na respiração, condicionamento físico, disposição e entre outros) que só são obtidas com a persistência na atividade. Com isso, podemos passar a encarar eventos estressantes com um outro olhar, mais voltado à tarefa que precisa ser realizado nesse momento.

Mas se você não costuma a fazer exercício, de nada vai adiantar querer correr uma maratona para mostrar que consegue ser resiliente. Inicie com pequenas metas. Um passo de cada vez.



Gustavo Assi - Coluna Coluna: Psicologia do Esporte

Gustavo Assi é psicólogo formado pela Unifebe e pós-graduado em Neuropsicologia pela Uniara. Atua como psicólogo clínico e, dentre todas as demandas, atende, também, atletas por meio de consultoria em psicologia do esporte e do exercício. E-mail para contato psigustavoassi2011280303444113@2011280303443284hotmail.com.