Conteúdo
Repórter: Redação
Publicação: 14/10/2020 08h07

Ser destaque e um dos jogadores mais queridos da torcida Brusquense nem sempre foi o status de Jefferson Renan, em sua primeira passagem pelo clube, em 2017, o atacante foi bastante criticado e quase não teve oportunidades em campo. Mas em 2018 tudo mudou, e para o jogador, conquistar a Copa Santa Catarina e ser eleito o craque da competição, é um marco para a sua carreira e história dentro do time do Vale do Itajaí. 

“No início foi bem complicado para mim, eu sempre estive à disposição do time e com muita vontade de mostrar o meu futebol para a torcida, queria conquistar títulos com o clube, mas, infelizmente, não tive oportunidades e a torcida não me apoiava, foi um momento muito crítico e que mexeu muito com o meu psicológico, mas eu não abaixei a cabeça, continuei trabalhando e esperando o momento certo, tudo nessa vida tem sua hora, e não seria diferente para mim”, desabafa, ao recordar do ano de 2017.

Com treze jogos e cinco gols marcados, Jefferson ajudou o Brusque na conquista do título da Copa Santa Catarina no ano seguinte e passou a ganhar o carinho da torcida. “Graças a Deus, o Pingo, professor da época, me deu mais chances, me colocou para jogar, me deu tranquilidade e espaço, e eu pude atuar, fazer gols e ajudar a equipe a conquistar o título da Copa Santa Catarina, e a torcida gosta disso, quer e merece isso, gols, vitórias, alegrias, jogo bonito e títulos. Foi a partir daí que eu ganhei o carinho e apoio de todos os torcedores”, destaca.

Após conquistar três títulos com o quadricolor, em especial a Série D, o jogador ganhou, também, os olhares de times da série B, foi emprestado ao Figueirense em 2019, jogou o Carioca em 2020, e acertou seu retorno ao Brusque para a disputa da Série C. “Com os títulos que conquistamos e o destaque individual que obtive, pude jogar uma Série B o ano passado pelo Figueirense e ser procurado por outros times de peso, mas poder retornar para Brusque, cidade que aprendi a gostar, e poder atuar novamente no clube que tem um projeto incrível, uma torcida apaixonada que te apoia do início ao fim, foi muito gratificante, eu e minha família somos muito felizes aqui”, comenta.

Líder do grupo B da Série C do Brasileiro com o Brusque, Jefferson ainda projeta o restante da temporada 2020. “Estamos focados. Queremos o acesso e consequentemente o título. O time, a cidade, nós e a torcida merecemos esse feito, queremos continuar fazendo história. Individualmente, quero poder continuar ajudando, continuar me entregando, e a cada jogo mostrar que entro em campo para vencer, para dar o meu melhor. Quero feitos ainda maiores com a camisa do Brusque”, conclui. 



Redação

E-mail para contato contato2010291003481378@2010291003481054esportesc.com.