Conteúdo
Repórter: Redação
Publicação: 17/10/2019 14h50

Em um jogo quente, pegado e com nervos à flor da pele, a Pipeline/Maruan Concept Futsal se consagrou como a grande campeã do Campeonato Municipal de Futsal Amador de Brusque 2019. A grande decisão foi realizada na noite de quarta-feira (16), na Arena Brusque.

Na final, o time campeão superou o forte time do União/Mercado Kraus por 4 a 3, num confronto recheado de emoções. A Pipeline chegou a abrir 3 a 0 ainda no primeiro tempo, mas por pouco o adversário não reagiu na etapa final.

Djonathan, em duas oportunidades, além de Thiago Cristian, encaminharam o título da Pipeline. No segundo tempo, o União voltou para o jogo com gol de Gabriel Gomes, com cerca de 3 minutos. Mas pouco depois Djonathan apareceu novamente para fazer o quarto da Pipeline.

Se enganou, no entanto, quem pensou que o jogo estava resolvido. Os minutos finais ainda reservaram muita emoção. Faltando cinco minutos para acabar, Gomes fez o seu segundo no jogo e também o segundo do União: 4 a 2. O jogo ficou tenso para ambos os lados. A pouco mais de dois minutos do fim, Julio Cesar fez mais um para o União que encostou de vez no placar.

Apesar disso, já era tarde para uma reação. O jogo, que chegou a ser interrompido após desentendimentos com a equipe de arbitragem, encerrou sob muitas reclamações do União, em meio à festa do time do Pipeline. “Foi um belo jogo, bem disputado. Quem veio à Arena com certeza presenciou um bom futsal”, comemorou o técnico campeão, Claudir de Souza, o Spock.

Na bronca com a arbitragem, Marcos Castanheira, do União, parabenizou o seu grupo e a excelente campanha. “Acho que, se não fossemos prejudicados pela arbitragem, poderíamos ser campeões. Temos um grupo muito unido e fechado, mas final é isso, jogo quente e sempre pegado. Se Deus quiser, ano que vem estaremos de novo lutando por esse título”, declarou.

O terceiro lugar da disputa acabou com o Verrückt, que venceu o Farmácia Brusque, no jogo preliminar, por 2 a 1. Andrey Matias anotou os dois gols do confronto. Técnico da equipe no jogo, Thiago Campos lembrou da goleada sofrida para o Pipeline nas semifinais, quando a equipe acabou derrotada por 7 a 0. “Naquele jogo, erramos muito na marcação e eles aproveitaram os contragolpes. Foi uma derrota dolorida, mas viemos firmes para buscar o terceiro lugar. Em quatro anos, já temos um vice, um quarto lugar e agora um terceiro. Ano que vem vamos rumo ao título”, destacou.

Campeão, o Pipeline embolsou a premiação de R$ 1,2 mil. O União levou pra casa R$ 720, enquanto o Verrückt ficou com R$ 480. Todos os três times ainda receberam troféus e medalhas. A expectativa fica agora para a escolha da seleção do campeonato, que será realizada em parceria com o Jornal EsporteSC.

Na ocasião, assim como ocorre com o futebol de campo, serão escolhidos pelos treinadores das equipes participantes os melhores jogadores do futsal de Brusque em evento que vai premiar, também, as melhores jogadoras do municipal de futsal feminino, previsto para encerrar em 27 de novembro. “Só temos que parabenizar as 12 equipes que fizeram uma grande competição. Esperamos que, no ano que vem, possamos fazer uma disputa ainda melhor”, destacou o coordenador da Fundação Municipal de Esportes de Brusque, Eduardo Gohr.

O Campeonato Municipal de Futsal Amador de Brusque é uma promoção da Prefeitura de Brusque, por meio da Fundação Municipal de Esportes e tem apoio do Jornal EsporteSC.



Redação

E-mail para contato contato1911131802375664@1911131802374836esportesc.com.