Conteúdo
Repórter: Sidney Silva
Publicação: 23/09/2020 10h12
Atualização: 23h56

Por Sidney Silva, direto de Fortaleza

Já em Fortaleza para o jogo dessa noite na Copa do Brasil, o técnico Jerson Testoni concedeu entrevista ao jornalista Sidney Silva, no Hotel onde está concentrado o Brusque, para falar sobre o duelo decisivo contra o Ceará nesta quarta-feira (23). Às 21h30, Ceará e Brusque se enfrentam pela Copa do Brasil.

O treinador quadricolor comenta que a expectativa do grupo é fazer outro jogo competitivo, assim como ocorreu no estádio Augusto Bauer, quando o Bruscão foi melhor que o adversário, apesar de não ter conseguido o resultado positivo. “O resultado não veio, mas jogamos um futebol convincente. Queremos tentar fazer um grande jogo novamente. A equipe está bem preparada. Após o jogo contra a Tombense não deu para trabalhar muito, mas fizemos o melhor para recuperar os atletas e estamos focados para fazer um grande jogo”, destaca o treinador.

Jersinho comenta que na sua visão o time fez um jogo muito competitivo na ida, buscando o jogo e controlando a partida. Esses são fatores positivos ressaltados pelo treinador do Marreco ao lembrar que a equipe encarou um adversário de Série A, que hoje se encontra no meio da tabela. “Infelizmente, tivemos erros individuais, mas isso faz parte do futebol, mas foi um excelente jogo, e isso foi importante para mantermos a motivação para essa partida. Na ida, o Brusque teve uma excelente repercussão nacional, pelo futebol que apresentou, e pelo fato de um time de Série C bater de frente com uma equipe de Série A, isso é muito importante para os atletas”, afirma.

Para o jogo dessa noite, o treinador do Bruscão tem uma baixa importante. O meia-atacante Thiago Alagoano, vice-artilheiro do time na temporada, está fora. O jogador está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Jersinho ainda não revelou quem será o seu substituto, mas adiantou na entrevista que a dúvida é sobre a possibilidade de mandar a campo uma equipe mais agressiva no terceiro terço do campo ou optar por uma escolha que faça o time ter mais posse de bola e controle de jogo. Seja qual for a opção, o treinador diz que confia no elenco e na peça que for escolhida. “O Thiago é um jogador experiente e decisivo, que tem muita qualidade na última bola. Mas não costumo lamentar muito quando temos ausência, porque eu confio no meu grupo e quem entrar com certeza também tem muita qualidade. Temos duas ou três opções para escolher. Que Deus nos abençoe para que possamos tomar a decisão mais acertada para buscarmos nosso objetivo”.



Sidney Silva

E-mail para contato redacao2010291715456736@2010291715455907esportesc.com.